Especialidades médicas do futuro - Blog ProDoctor
Tecnologia na Medicina

Especialidades médicas do futuro

especialidades médicas do futuro

As especialidades médicas do futuro estão intimamente ligadas aos avanços tecnológicos na área da Saúde. Por isso, é importante que não apenas os profissionais em início de carreira, como também os estudantes de Medicina estejam atentos às profundas transformações provocadas pelas descobertas científicas e inovações tecnológicas.

Afinal, as mudanças em todos os setores da sociedade acontecem em uma velocidade cada vez maior e ter um olhar digital pode impulsionar sua caminhada. Neste post, a ProDoctor Software traz para você indicações sobre as áreas mais promissoras.

Confira, a seguir, os seguintes temas:

  • Perfil do médico do futuro
  • Perfis das especialidades médicas do futuro
  • Big Data e as especialidades médicas do futuro
  • Inteligência Artificial e as especialidades médicas do futuro
  • Medicina de Precisão
  • Genética Médica e Medicina Nuclear

Você também pode gostar:
Avanços na Saúde em 2020
Novas tecnologias na medicina


Perfil do médico do futuro

A Medicina, assim como várias outras profissões, sempre exigiu do profissional uma permanente atualização de seus conhecimentos. Todavia, esta exigência tornou-se ainda mais vital, uma vez que é preciso acompanhar a avassaladora disseminação do conhecimento e das inovações tecnológicas.

As informações são disseminadas em tempo real, com velocidade espantosa, permitindo acesso a técnicas, máquinas e intercâmbio de conhecimento com colegas diversos e em diferentes pontos do planeta. Além disso, a oferta de softwares para todas as especialidades é astronômica, proporcionando uma grande opção de escolhas.

E os profissionais têm se rendido à necessidade de começar pela automatização do seu consultório/clínica com os softwares de gestão.

Entretanto, em qualquer das especialidades médicas do futuro, nada substitui o fator humano. Daí a crescente importância da relação médico-paciente, alimentada pela tecnologia, com sua capacidade de reunir todos os dados do paciente, a fim de proporcionar ao profissional meios de realizar a melhor forma de tratamento.

Não só com o auxílio da tecnologia, mas também contando com a confiança e a colaboração do paciente no médico. Só para exemplificar: a Telemedicina tem sido fundamental no trabalho diário dos profissionais da Saúde na luta contra a pandemia do coronavírus.

Também a Psiquiatria tende a utilizar cada vez mais os recursos proporcionados pela Telemedicina. Dessa maneira, a relação médico-paciente se estenderá para além do consultório/clínica. Nesse sentido, o profissional terá a oportunidade de observar o comportamento e as reações de seu paciente em seu ambiente natural, em que poderá se sentir mais tranquilo e seguro.

Perfis das especialidades médicas do futuro

especialidades médicas do futuro

Com toda a certeza, as especialidades médicas do futuro exigirão habilidades especiais que estes profissionais não imaginavam. Portanto, devem estar prontos para ir além do conhecimento científico adquirido nos bancos universitários, carreira acadêmica e experiência diária em clínicas, consultórios e hospitais.

A revolução digital trouxe ganhos não só para os médicos, como também para seus pacientes. Dessa maneira, ficou evidente a necessidade de se investir em capacitação, atualização e treinamento permanentes com o intuito de utilizar toda a tecnologia disponível em prol da recuperação dos enfermos.

Big Data e as especialidades médicas do futuro

o que e lgpd e como se adequar

Dessa maneira, a análise de dados dos pacientes é um ponto de importância fundamental, a fim de que o médico tenha acesso a todas as informações e possa analisá-los em profundidade. Com isso, terá condições de chegar ao diagnóstico e tratamento corretos de uma maneira mais rápida e segura.

A saúde móvel (health mobile) é integrada por dispositivos vestíveis (wearables) e softwares para smartphones e trabalha com informações que permitem ao médico personalizar o atendimento e os cuidados para o paciente. Nesse sentido, o Big Data é uma peça chave entre as novas tecnologias da Medicina.

Ao armazenar uma gigantesca e detalhada carga de informações sobre a saúde dos pacientes, o Big Data alimentará bancos de dados que poderão ser acessados de qualquer ponto do planeta. Assim, os profissionais poderão trocar informações em tempo real, a fim de optar pelo melhor procedimento e escolher a medicação mais eficaz.

Além disso, os dados armazenados serão importantes para apontar tendências e demonstrar fatores históricos, dando suporte ao rastreamento e ao monitoramento de doenças e fatores de risco. Todo este material estará disponível para, quando necessário, embasar as ações preventivas em uma escala maior.

Por fim, as especialidades médicas do futuro exigirão a capacidade de análise correta das informações colhidas por algoritmos. Além disso, é importante que os médicos tenham noções acerca da linguagem de programação, com o intuito de avaliar os dados e identificar possíveis tendências.

Sem dúvida, isto não é nada assustador hoje, pois os médicos têm procurado aprofundar os conhecimentos dos programas de computador e softwares de suas respectivas especialidades. Com um mercado cada vez mais competitivo, estão conscientes desta importância.

Inteligência Artificial e as especialidades médicas do futuro

especialidades médicas do futuro

Várias especialidades tendem a se expandir muito e um destes impactos poderá ser sentido na Radiologia. Hoje, estes especialistas se desdobram durante um bom tempo para analisar e avaliar as imagens. Sem dúvida, a Inteligência Artificial permitirá criar algoritmos que tornarão suas interpretações muito mais assertiva.

Em um breve período de tempo, a Telerradiologia será evidenciada com a operação de outros sistemas, que por isso mesmo exigirão mais especialistas capazes de interpretar os registros.

Com a expansão da Telemedicina, a tendência é de se trazer para a frente do palco o médico virtualista. As unidades de Saúde cada vez mais se valem da Telemedicina, não só para emitir laudos a distância, como também para se trocar informações e obter opiniões de diferentes profissionais em pontos distantes do planeta, além das consultas entre médicos e pacientes, estreitando o seu relacionamento.

A agilidade e o ganho de tempo são fatores fundamentais para a resolução de casos complicados e auxílio em cirurgias. Nesse sentido, a Telemedicina é uma área que exige a competência de especialistas, a fim de que todos os recursos disponíveis possam ser aplicados de uma maneira segura e eficiente.

A estes profissionais compete, portanto, ter conhecimento e domínio sobre a condução da interação virtual.

Medicina de Precisão

Com toda a certeza, a Medicina de Precisão vai delinear os futuros caminhos da Oncologia, com o tratamento da enfermidade se adequando ao paciente. Ou seja, o tempo em que o mesmo tratamento servia para todos os pacientes com câncer pertence ao passado. É mais uma revolução na Medicina, com a edição do DNA.

Dessa maneira, no tratamento do câncer de mama, por exemplo, é preciso estabelecer qual paciente pode ser beneficiado com um tratamento menos agressivo, somente com a terapia hormonal. Assim, os pacientes estariam livres do tratamento quimioterápico, que causa diversos efeitos colaterais, como a queda dos cabelos e os problemas gastrointestinais.

O aperfeiçoamento de técnicas utilizando nanopartículas direcionam as drogas diretamente no local do tumor. Além disso, a nanotecnologia pode ser combinada a fotoprocessos na administração de medicamentos, com o intuito de combater as células cancerosas, por exemplo, no câncer de pele (à exceção dos melanomas), que pode ser identificado por algoritmos e tratados com agilidade e de maneira indolor, além dos custos reduzidos.

Genética Médica e Medicina Nuclear

especialidades médicas do futuro

Dentre as especialidades médicas do futuro há um vasto campo para o desenvolvimento da Genética Médica. Principalmente, com relação ao diagnóstico de doenças genéticas, objeto de estudo da Medicina Genômica. Com toda a certeza, este é um setor com maiores possibilidades, com a criação de tratamentos personalizados para os enfermos, conforme o seu DNA.

Da mesma forma, as perspectivas de crescimento se direcionam para a Medicina Nuclear e a Psiquiatria. No prime4iro caso, com a administração de radiofármacos, os grandes beneficiados serão, só para ilustrar, a Cardiologia e a Neurologia, ao se detectar visualmente qualquer anormalidade, além da possibilidade de trazer alívio em sintomas do câncer.

Resumo

Acompanhar a evolução tecnológica é imprescindível para o profissional da Medicina. Portanto, fique de olho nas especialidades do futuro. O armazenamento de dados e sua disponibilização em tempo real e seguro, a Inteligência Artificial, os dispositivos vestíveis com sensores, a robótica como braço auxiliar nas cirurgias de maior precisão… Tudo isto impacta diretamente no tratamento dos pacientes e na relação médico-paciente.

Portanto, esteja preparado para fazer sua escolha, se desenvolver e crescer na Medicina. Inúmeras oportunidades já surgem no mercado que se expandirá ainda mais com as novas descobertas científicas e tecnológicas.

Você pode se interessar por