Medicina e Saúde

O que é educação em saúde

São várias as modalidades de Educação em Saúde e todas evidenciam a mudança de hábitos, atitudes e comportamentos individuais e coletivos. Essas mudanças de comportamentos estão atreladas à aquisição de novos conhecimentos e à adoção de atitudes favoráveis à saúde. 

A Educação em Saúde pode ser entendida como uma forma de abordagem que, enquanto um processo amplo na Educação, proporciona construir um espaço muito importante na veiculação de novos conhecimentos e práticas relacionadas.

 

O que a OMS diz sobre Educação em Saúde

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), entende-se como Educação em Saúde a combinação de ações e experiências de aprendizado planejado com o intuito de habilitar as pessoas a obterem conhecimento sobre fatores determinantes e comportamentos de saúde.

O que a OMS diz sobre educação em Saúde

Na busca da saúde de forma completa, a educação tem tido um significado muito importante para colaborar na orientação de ações práticas, trazendo resultados e melhorias na qualidade de vida do indivíduo e no fortalecimento da população como um todo.

Toda e qualquer prática que eduque deve fornecer ao indivíduo o ato de conhecer ou reconhecer a aquisição de suas habilidades a favor da tomada de decisões na busca por um melhor aperfeiçoamento. É perante este entendimento que a saúde e a Educação em Saúde devem orientar suas práticas, tendo um papel defensor e facilitador para com o grupo de atuação, os quais vão interagir para facilitar mudanças positivas em toda a sociedade.

 

Educação em Saúde na prática

Pode-se notar no dia a dia que os serviços de saúde são construídos diante de uma perspectiva coletiva entre a comunidade e os profissionais. Dessa forma, é necessário um deslocamento e um enfoque preventivo e mais abrangente nos desafios da promoção da saúde para a população em geral, com propostas de melhoria da qualidade de vida, higiene e conscientização social.

Educação em Saúde na prática

A Educação em Saúde está, por sua vez, mais relacionada à população em geral do que ao próprio profissional. Diferencia-se dos demais tipos de educação existentes no momento em que o sujeito paciente (população) é o ser educado, e não o profissional. 

Para que o cliente receba a educação de forma eficiente, é necessário que o profissional esteja adaptado ao contexto do processo educativo. Dessa maneira, é possível compreender que uma Educação em Saúde eficaz relaciona-se direta e indiretamente a uma educação em serviço.

Em uma consulta, por exemplo, é importante que o profissional de Saúde eduque o paciente sobre seus deveres para com sua saúde, de modo que a enfermidade encontrada e/ou outros problemas não apareçam novamente por desinformação.

 

Conclusão sobre Educação em Saúde

Concluímos que a Educação como um todo é a interação entre as pessoas envolvidas dentro do contexto educativo com o mundo em sua volta, visando a modificação de ambas as partes. Porém, é um processo complexo e não existe uma definição única. Já o termo Educação em Saúde é um paralelo entre as duas áreas, tendo a Educação com os métodos pedagógicos para transformar comportamentos e a Saúde os conhecimentos científicos capazes de intervir sobre as enfermidades de um indivíduo. 

A Educação em Saúde é um processo educativo que envolve as relações entre os profissionais da área de Saúde e a população, que necessita construir seus conhecimentos e aumentar sua autonomia nos cuidados individual e coletivo. 

Podemos dizer assim que a Educação e a Saúde são, portanto, duas faces do mesmo processo, interdependentes e co-construtivas.

 

É profissional da área de Saúde?

Você pode se interessar por