Blog

Use o marketing digital para atrair mais pacientes para seu consultório


Você quer atrair ainda mais pacientes para o seu consultório? Somente a propaganda boca a boca não está sendo suficiente? Então, você precisa dar um passo adiante e divulgar os atendimentos prestados, o corpo clínico e a sua estrutura na Internet. É preciso investir no marketing digital, mas, calma! Ele não é nenhum bicho de sete cabeças. Porém, requer habilidade de criação e disponibilidade de tempo. Se você não tem nenhuma das duas condições, vale a pena contar com um profissional da área, pois ele saberá exatamente o que fazer para alavancar seu trabalho. 


Por onde começar?


É fundamental que você esteja conectado nas múltiplas opções oferecidas pelas redes sociais, como Instagram, Facebook, Linkedin e Twitter. Através delas, poderá disseminar seu trabalho e fortalecer o relacionamento com os pacientes. A tecnologia pode ser um excelente braço auxiliar e você deve saber explorá-la de forma favorável.


Entretanto, precisa estar vigilante para não pecar por excessos, evitando que um pequeno vacilo traga consequências desagradáveis, com aborrecimentos que possam colocar sua imagem e de sua clínica/consultório em risco, com ameaça de perda da credibilidade. Tenha sempre em mente que as mídias sociais podem favorecer o seu trabalho e a melhoria do paciente. Basta utilizá-las correta e adequadamente, sem cair em armadilhas.


O que diz o CFM sobre as redes sociais?


O Conselho Federal de Medicina (CFM), publicou no Diário Oficial da União uma alteração no texto da Resolução 2.126/2015, que define o comportamento adequado dos médicos nas redes sociais.


As selfies durante as cirurgias permanecem sob proibição e foram exatamente as postagens de fotografias durante os procedimentos e após partos, mostrando os pacientes inclusive em situações constrangedoras, que motivaram mudanças nas normas.


Para acessar a Resolução 2.126/2015 clique aqui.


Sem sensacionalismo, sem autopromoção


Agir de maneira ética reflete o seu caráter e revela a imagem de correção do seu empreendimento. Deixe isto bem claro em suas postagens. O objetivo principal do CFM é “fixar parâmetros para evitar o apelo ao sensacionalismo ou à autopromoção”. Não utilize imagens de "antes e depois", usadas principalmente pelos médicos da área de estética, pois permanecem proibidas, enquanto as selfies somente serão liberadas desde que não sejam feitas no momento da realização do ato médico.


Se o paciente decidir pela divulgação, os médicos têm liberdade para concordar ou não. De qualquer forma, o Conselho Federal de Medicina recomenda que não seja dada permissão, a fim de "evitar exposições".


Confira 10 dicas para utilizar as redes sociais a seu favor clicando aqui.


Algumas dicas do que fazer



1- Fale sobre sua especialidade


Escreva sempre sobre temas referentes a sua especialidade, que é o que você tem amplo conhecimento científico e experiência. Divulgue informações relevantes, confiáveis, embasadas cientificamente e com referências de respeito e credibilidade.


2- Sem polêmicas


Evite polemizar. Caso queira compartilhar qualquer artigo, curtir textos e comentários no Facebook ou Twitter, ou publicar fotos no Instagram, faça isto somente quando tiver absoluto conhecimento de causa. Evite imprecisões e, na dúvida, opte por não publicar.


3- Escolha as amizades


Escolha com cuidado os amigos que integrarão sua rede, priorizando a qualidade das pessoas em vez da quantidade.


4- Seja um Médico 2.0


Um médico 2.0 é aquele profissional sempre antenado com as tecnologias disponíveis no mercado e que tem presença relevante na Internet. Para saber mais sobre o assunto, acesse o e-book gratuito com dicas de aplicativossoftwares de gestãomarketing digital, etc, clicando aqui.


Para saber mais boas práticas médicas nas redes sociais clique aqui.




Compartilhe