Blog

Software médico: tudo o que você precisa saber!


Em constante expansão, o mercado de software médico tem disponibilizado múltiplos e eficientes produtos para o consultórios e clínicas.


Os avanços científicos caminham paralelamente com a utilização dos recursos tecnológicos e dos aplicativos destinados para todas as especialidades da Medicina. Algo inegável e que a cada dia se revela mais necessário e indispensável.


O crescimento de uma empresa de saúde está diretamente ligado à utilização desses recursos e você não pode ficar para trás em um mercado de acirrada concorrência.


Mas, antes de adquirir um software para sua clínica/consultório, é preciso estar atento a alguns detalhes fundamentais.


A seguir, destacamos alguns pontos para lhe ajudar a escolher o software médico ideal!


1 – Identifique suas necessidades


Relatórios Médicos


Não queira abraçar o mundo de uma vez, mas também não olhe apenas para o dia de hoje.


A tecnologia muda e as necessidades se transformam. É preciso sempre pensar adiante, principalmente em termos de crescimento.


Avalie bem suas necessidades específicas e, com a ajuda de um especialista da área tecnológica, escolha o software ideal para o atendimento completo de sua clínica/consultório. 


2 – Barato sai caro



Se você for basear sua escolha apenas no preço, tenha cuidado com o que possa parecer mais barato.


Procure verificar todas as funcionalidades que o software disponibiliza e o suporte que oferece.


Confira nos canais disponíveis na internet a conceituação da empresa, se existem reclamações contra ela, os motivos e as respostas dadas para os problemas apontados, se ela é atenciosa e dá a merecida importância para seus clientes.


Optar por um software apenas porque seu preço é menor do que outro que possui qualidade melhor pode resultar em arrependimento tardio, fazendo valer a máxima de que “o barato sai caro”.


3 – Melhoria global na qualidade do atendimento


Valorização do elemento humano: Secretárias e Médicos


Além de facilitar o agendamento das consultas, o software deve ser ágil para que o médico tenha diante de si, em cada consulta, toda a anamnese do paciente, oferecendo também um módulo financeiro para organizar a entrada e saída de recursos diariamente na clínica/consultório.


Tudo de maneira simples e rápida, sem erros, com o armazenamento de informações precisas e com acesso veloz, eliminando possíveis erros no seu consultório.


Este gerenciamento e monitoramento completo de todos os dados proporcionará fluidez e qualidade no atendimento, resultando em economia, redução da papelada, ganho de tempo e a satisfação dos pacientes.


4 – Facilidade de uso


Ferramenta de Gestão do Faturamento de Consultórios e Clínicas Médicas


Você e sua equipe devem ter pleno conhecimento do software com o qual irão trabalhar rotineiramente.


A interface amigável, simples e intuitiva, é um dos requisitos básicos ao qual você deve estar atento, pois é fundamental escolher um produto fácil de usar, evitando reclamações posteriores acerca das dificuldades encontradas, principalmente se você não puder contar com um ótimo serviço de suporte.


Assim, escolha um software que permita inserir sem erros as informações necessárias rapidamente e acessar com poucos cliques qualquer informação que precisar.


5 – Suporte


Suporte técnico de sistema de gestão de clínicas médicas


Procure saber, detalhadamente, como funciona o sistema de suporte da empresa cujo software você escolheu. Este serviço é prestado, na maioria das vezes, abrangendo os casos mais complexos, através de chat e telefone.


Em proporções menores, e em casos mais simples, como, por exemplo, as dúvidas sobre a realização de um backup.


É importante saber os dias e horários e conhecer em detalhes o sistema, se é por telefone, e-mail, chat ou acesso remoto. Esta é uma forma de você se assegurar de que não ficará na mão quando mais precisar.


É importante também destacar que a empresa que se propõe a prestar o atendimento aos clientes fora do seu município deverá estar pronta para cumprir sua jornada de trabalho normalmente, durante os feriados da cidade onde está localizada.


6 – Segurança


Segurança das informações


Todos as informações cadastradas dos pacientes, com seus respectivos históricos médicos, devem ser resguardadas pelo software, sendo mantida sua privacidade sob rigoroso sigilo.


O acesso aos dados digitalizados somente será permitido mediante a utilização de senha e login, com a proteção e a confidencialidade ficando sob a responsabilidade dos profissionais do consultório/clínica.


7 – Alta tecnologia


palestras e artigos médicos


O gerenciamento da anamnese dos pacientes é de responsabilidade do médico, que deve certificar-se da permanente atualização dos dados. Esta é uma forma segura e ágil, proporcionada pela tecnologia, para evitar possíveis erros, como a prescrição indevida de medicamentos.


Com seus conhecimentos científicos e tecnológicos, ao utilizar um bom software, os profissionais estarão capacitados para desempenhar com maior eficiência as suas funções em uma clínica/consultório.




Compartilhe