Blog

Networking Médico em 8 passos

Networking-Medico


O sucesso de um empreendimento depende muito do trabalho e do envolvimento pleno nas ações diárias para que os negócios cresçam. Na área médica, precisa, em primeiro lugar, dos seus conhecimentos científicos e das habilidades necessárias para exercer com destreza a especialidade que escolheu. Mas, também existem diversos pontos para os quais você deve estar atento, a fim de se manter atualizado para enfrentar a concorrência e se tornar referência.


Estar em permanente contato com outros médicos e participar de congressos, seminários e eventos de sua área fazem parte do amplo espectro sobre o qual pode interagir. É preciso alimentar contatos e saber mantê-los, tecendo uma rede de informação e trabalho que estará disponível para você disponibilizar sua imagem profissional e disseminar os benefícios que os pacientes terão ao escolher sua clínica/consultório no momento em que precisar.


Após construir sua imagem – e do seu negócio -, resta cuidar bem dela para que não seja manchada por qualquer tipo de descuido, como mal entendidos e gafes. É preciso, pois, atenção não apenas com as ações, mas também com as palavras. O Networking Médico ajuda no contato com as pessoas que poderão abrir novas portas e trazer novos pacientes, projetos e trabalhos para você. Veja, a seguir, algumas dicas para realizar desde já um bom Networking Médico.


1- Tenha contatos de qualidade


Não se iluda com a extensão de sua rede de contatos. No valioso mercado da troca de experiências e informações, mais vale a qualidade do que a quantidade. Não importa quantos cartões tenha trocado em determinada feira, mas sim a resposta positiva alcançada no encontro. Os bons frutos podem demorar a surgir, mas eles traduzem qualidade, solidez e traduzem respeito. É importante que você dê prosseguimento aos contatos estabelecidos em determinada reunião. Não fique adiando decisões.


2- Guarde o nome do seu interlocutor


No encontro com os colegas e demais representante da área de Saúde em um evento seja sempre cordial e esteja atento ao que dizem. Ouça com atenção e jamais esqueça o nome do seu interlocutor. É imperdoável que, no transcorrer de uma conversa, você interrompa o assunto para perguntar “qual é mesmo o seu nome?”. Seria um atestado de desconsideração e, certamente, você não gostaria que acontecesse com você. Tente guardar o nome da pessoa e, durante a conversa, diga o nome dela, pois isto ajudará sua memória e deixará a pessoa ciente da sua consideração.


3- Ajude para receber ajuda


Assim como na vida diária, o Networking médico não acontece em um estalar dos dedos. É preciso cativar, adquirir ciência e sabedoria na arte de escutar e dialogar. Com a consciência de que, ao estabelecer uma rede de contatos, você estará diante de uma mão dupla, com benefícios mútuos para você e para aquele com quem estabeleceu afinidades. Os relacionamentos serão fortalecidos a partir do momento em que você, por exemplo, puder ajudar direta ou indiretamente algumas pessoas, que depois poderão transformar-se naturalmente em uma indicação ou contratação daquilo que você faz.


4- Procure ser objetivo e não se desviar do foco


Ao aguçar sua percepção, procure ser objetivo e não se desviar do foco, olhando com atenção as pessoas certas e que poderão proporcionar parcerias importantes em termos de informações e oportunidades. Mas, sem buscar tão somente alcançar benefícios imediatos, mas sim com uma visão mais abrangente, direcionada para um futuro mais sólido, procurando assim investir de forma perene nas relações profissionais.


Lembre-se: networking não se trata de uma mera troca de favores. Para isto, é necessário estar ao lado das pessoas certas, com as quais poderá levar adiante ações que implicarão no desenvolvimento profissional de ambos.


5- Esteja sempre conectado


Além das reuniões presenciais para alimentar os planos de crescimento, o médico tem que estar antenado e conectado com o mundo, daí a importância de sua presença nas redes sociais (conforme já descrevemos em nosso Blog). Trata-se de uma poderosa e reconhecida ferramenta que, devido ao seu potencial, não pode ser esquecida ou relegada para segundo plano. Na falta de tempo, contrate um profissional (ou uma empresa) para cuidar de seus contatos via mídias sociais.


6- Seja positivo


Em qualquer reunião ou grupo de trabalho, eventos ou seminários, seja sempre propositivo, evitando comentários ferinos aos colegas médicos, sejam da própria empresa ou de outras clínicas/consultórios. As críticas feitas ao trabalho de outros podem ter um efeito negativo, concedendo a você um referencial na mesma moeda. Não são vistas com bons olhos e podem manchar o seu cartão de visita.


7-  Continue criando contatos


Você construiu sua reputação com o seu conhecimento e sua capacidade de trabalho, além da lisura e da ética profissional. Uma vez que tenha cultivado a arte do Networking, estabelecendo contatos valiosos, não os perca. É preciso continuar criando contatos e realimentando aqueles que você já tenha consolidado. Portanto, nada de ficar pensando na crise e nas dificuldades para chegar aos seus objetivos. Principalmente quando as vantagens mútuas comprovam ser um bom caminho para fazer frente às armadilhas do mercado.


8- Cuidado com o exagero


Ninguém é o máximo. Você não é e o seu parceiro também não. Deve existir uma igualdade de condições entre aqueles que falam a mesma língua e que procuram afinar ideias e objetivos para crescer através de uma rede de relacionamentos. De nada adianta distribuir elogios apenas para bajular um potencial parceiro. Tampouco se considerar “o rei da cocada preta”, artífice das grandes soluções.


O ideal é que cada um saiba exatamente das habilidades e dificuldades do outro, que a sinceridade seja o balizamento de todas as reuniões e ações decididas. E ser humilde não significa ser subserviente. O que importa são as competências que deverão ser utilizados para se atingir as metas mútuas.




Compartilhe


A ferramenta que faltava na sua clínica e consultório!

Aumente a produtividade e simplifique suas tarefas diárias com nossos softwares para gestão de consultórios e clinicas médicas. Conheça agora o ProDoctor!

Saiba mais!

Buscar



Categorias