Blog

Yoga e Saúde - Para médicos e pacientes

Yoga e Saúde - Para médicos e pacientes


Método milenar oriundo da Índia, a Yoga carrega em sua filosofia, desde o início, o objetivo de levar o Homem a Deus, elevando o seu espírito. Ao longo dos anos, seu desenvolvimento trouxe uma melhor compreensão da prática, derrubando preconceitos (mera filosofia ou ginástica?) e fortalecendo sua aceitação. Hoje, se encontra entre as 10 terapias mais utilizadas no planeta, com suas técnicas de respiração, posturas, meditação e relaxamento, tendo como objetivo dar ao praticante autoconhecimento, equilíbrio físico, mental, psíquico e espiritual, com acentuada melhoria na qualidade de vida.


Uma alternativa diante de um mundo conturbado, que coloca as pessoas em um permanente estado de agitação física e psíquica. Seus exercícios contra o estresse refletem o bom funcionamento de todo o organismo e dessa forma a técnica alcançou respeito e credibilidade. A grande transformação na forma como o Ocidente vê a Yoga a tornou um poderoso aliado no tratamento de inúmeras enfermidades, desde a obesidade até o câncer, passando pela hipertensão, diabetes, depressão, asma, artrite, irritações no intestino e alcoolismo.


Medicina Integrativa - Faz bem ao médico também


Não acontece apenas com os médicos, mas são estes, e principalmente os mais jovens, que estão na linha de frente dos casos conhecidos como vítimas da “Síndrome do Burn Out”. Nesses casos, as terapias integrativas podem ajudar.


Cada vez mais a Medicina convencional se une às terapias, sistemas e cuidados complementares e de eficácia comprovada, com a visão holística proporcionando benefícios para os enfermos. Assim como a Meditação, a Yoga é tratada como terapia complementar e sua prática segura não apresenta contraindicações em se tratando de postura, relaxamento e estado meditativo.


Inúmeras pesquisas e estudos científicos têm corroborado os benefícios da prática regular da Yoga, com eficácia comprovada através de testes clínicos, como o aumento da sensação de bem-estar, sua ação contra o estresse, a redução da pressão arterial e sanguínea, a melhora na capacidade respiratória e o relaxamento dos músculos. Também é importante no controle da ansiedade, da hipertensão, da depressão e da insônia, no aprimoramento da flexibilidade e das forças físicas, além de melhorar os níveis da química cerebral e sanguínea.


A médica Shirley Telles, do National Institute of Mental Health & Neurosciences de Banglore (Índia) enfatiza os resultados positivos das pesquisas envolvendo a Yoga e atesta seus benefícios para a saúde. Segundo ela, “para usuários de computador, a Yoga trouxe alívio para o desconforto músculo esquelético e lombar, e ainda aumentou a capacidade de digitação bilateral, bem como a rapidez dos toques da mão direita”.


Os benefícios da Yoga para pacientes de câncer da mama


Pesquisadores da Sociedade Americana de Oncologia Clínica (ASCO), já em 2011, apresentaram resultados iniciais do primeiro estudo comparando os benefícios da Yoga contra exercícios simples de alongamento para mulheres com câncer de mama. Os resultados concluíram que as pacientes que praticavam Yoga, ao receber a terapia de radiação, demonstraram melhor funcionamento físico e menores níveis de hormônios do estresse. Elas também relataram aumento da capacidade de encontrar significado em suas vidas. O estudo é mais um esforço para confirmar cientificamente o impacto das intervenções mente-corpo para pacientes com câncer.


"Como oncologistas e pesquisadores, nós nos esforçamos para expandir nosso arsenal de tratamento contra o câncer de mama", disse  Andrew Seidman, médico assistente do setor de câncer da mama do Memorial Sloan-Kettering Cancer Center em Nova York e professor de medicina no Weill Medical College da Cornell University.


 




Compartilhe