Blog

Aplicativos que ajudam mães a amamentar

Aplicativos que ajudam mães a amamentar


Ontem, dia 1º de agosto, foi comemorado o  Dia Mundial da Amamentação e também marcou o início da Semana Mundial da Amamentação no Brasil, instituída pela Portaria 2.394/2009 e que estabeleceu a parceria entre o Ministério da Saúde e a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) nas campanhas de promoção, proteção e apoio à amamentação. Ela é realizada em mais de 150 países e seu objetivo é promover o aleitamento materno e a criação de bancos de leite, garantindo, assim, melhor qualidade de vida para crianças em todo o planeta.


As campanhas desenvolvidas pela Semana Mundial de Aleitamento Materno (SMAM) são um importante marketing para aumentar os índices de aleitamento materno, reduzir a desnutrição, a morbidade, principalmente por infecções gastrintestinais e respiratórias, e a mortalidade infantil. Na ocasião, diversas organizações governamentais e não governamentais, comunidades científicas e populares, grupos religiosos e inúmeros outros se mobilizam em prol da causa em diferentes eventos.



Agosto Dourado


Durante todo mês de agosto, as unidades de saúde da família (PSF’s) e Centros de Saúde estarão realizando encontros e palestras sobre a importância da amamentação, os benefícios para as crianças, direitos das mulheres no trabalho, licenças, como amamentar, a importância da doação de leite e o banco de leite e outros temas.


O leite materno é considerado o melhor alimento que um bebê pode receber nos seus primeiros anos de vida, sendo indicado até dois anos ou mais, não havendo dúvidas sobre os benefícios fisiológicos, sociais, psicológicos, econômicos e culturais da prática.


Isoladamente, a amamentação é a estratégia de maior impacto capaz de salvar a vida de cerca de 13% das crianças menores de 5 anos em todo o mundo por causas preveníveis. O estímulo à amamentação exclusiva salva pelo menos 6 milhões de crianças por ano. Durante 30 dias celebra-se o evento, tendo como símbolo da luta a cor dourada no laço.


O Laço


Além de simbolizar a campanha, o Laço Dourado tem um significado dentro do seu desenho, sendo uma forma de promover o valor da amamentação para a sociedade. A cor dourada significa que a amamentação é o “padrão ouro para a alimentação infantil”, ante a qual toda alternativa deve ser comparada e questionada. No laço, cada parte revela uma mensagem especial, sendo que uma representa a Mãe, enquanto a outra simboliza a Criança. Em sua simetria, evidencia-se a dimensão necessária e vital dos dois para o sucesso da amamentação.


O nó representa o Pai, a Família e a Sociedade, com a seguinte explicação: sem o nó, não haveria o laço; sem o apoio, a amamentação não teria êxito. Já suas pontas são o futuro: o aleitamento materno exclusivo por 6 meses e a amamentação continuada por 2 anos ou mais, com a adequada introdução de alimentos e um espaçamento das gestações preferencialmente de 3 anos ou mais; dando à mulher o tempo necessário para assegurar o cuidado da saúde, o crescimento e o desenvolvimento da criança.


Aplicativos para amamentação


A tecnologia tem contribuído muito para diminuir a força do velho adágio de que “ser mãe é padecer no paraíso”. Nos dias de hoje, inúmeros aplicativos ajudam as mães no processo de amamentação. Confira a lista que selecionamos.


1- Aplicativo Aleitamento


Registra a hora em que o bebê mamou, em qual peito e por quanto tempo, facilitando o controle sobre a amamentação, já que os primeiros meses são uma loucura. O aplicativo contém um cronômetro que ajuda a controlar a variação das mamas, dando a possibilidade ainda de salvar os dados para controle dos pais. Além disso, traz notícias sobre o tema (fornecidas pelo portal aleitamento.com) e disponibiliza um mapa com os estabelecimentos que oferecem suporte à amamentação, como bancos de leite. É gratuito. Disponível para iOS


2- Aplicativo Amamentação


Este programa é da Pais & Filhos e traz uma tela para cada mama. Destinado à mães lactantes que querem controlar quando e por quanto tempo o bebê se alimenta. Relembra a última vez que o bebê amamentou, grava o tempo e a duração das mamadas e mantém um registro de alimentação suplementar da criança com uma mistura de alimentação mista.


Além disso, emite relatórios diários, semanais e mensais de alimentação da criança, mantendo um registro de mistura de alimentação suplementar. Quando acionado, o aplicativo escolhe o seio em que vai dar de mamar, marca, aciona o cronômetro e pronto, salvando o tempo quando terminar. Se o bebê ainda quiser mamar, marca o outro seio da mesma maneira. Se for mais de um bebê, existe o recurso para adicionar e fazer dois diários de amamentação independentes.


Na próxima consulta com o pediatra, todos os dados podem ser apresentados de forma bem objetiva para saber se o (s) bebê (s) está (ão) mamando direitinho. É gratuito. Disponível para iOS




Compartilhe


A ferramenta que faltava na sua clínica e consultório!

Aumente a produtividade e simplifique suas tarefas diárias com nossos softwares para gestão de consultórios e clinicas médicas. Conheça agora o ProDoctor!

Saiba mais!

Buscar



Categorias