Blog

Aplicativos facilitam doações de sangue

Atualizado em 25 de novembro de 2016


Aplicativos facilitam doações de sangue


Dia 25 de novembro é o Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue. A data foi instituída no Brasil em 30 de junho de 1964, pelo decreto 53.988 promulgado pelo Presidente Castello Branco.


Doar sangue é um ato humanitário e de amor que pode salvar muitas vidas. Conforme recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS), o ideal é que um país tenha como doadores 3% a 5% de sua população. Segundo dados da entidade, uma pessoa a cada 2 minutos precisa de sangue, ou seja, são 720 pessoas por dia, o que faz com que a demanda por sangue seja enorme e o número de doadores regulares não consegue chegar a um número satisfatório.


No Brasil, esse percentual não chega a 2%. A escassez dos estoques nos bancos dos hemocentros é notícia frequente na mídia e o senso de urgência diante da permanente necessidade motivou a criação de aplicativos para dispositivos móveis não só para incentivar as pessoas a abraçar esse gesto, mas também facilitar a ligação entre o doador e o receptor. Tudo para salvar vidas.


A seguir, selecionamos alguns exemplos de aplicativos que têm contribuído para minimizar o problema:


1 - Blooder


Aplicativo Blonder


Este aplicativo foi desenvolvido por alunos da graduação em Administração e Ciências Econômicas do Insper, tendo como meta estimular as pessoas para abraçarem a causa da doação de sangue.


O software tem como função facilitar o processo de doação para o usuário, unificando os pedidos de pessoas ou terceiros que necessitam de sangue. Por enquanto, reúne informações dos bancos de sangue das regiões da Grande São Paulo e Rio de Janeiro. Para utilizá-lo, basta que o usuário preencha um cadastro por meio do seu perfil no Facebook. Ao fazer isto, ele será direcionado para a tela inicial do programa, onde se encontram dois botões com as opções: “receber” e “doar”.


Receber


Se clicar no botão “receber”, o estará habilitado para fazer um pedido de doação, para ele ou para um terceiro. Basta, apenas, informar para qual banco de sangue a doação deverá ser dirigida, os dados do paciente e contar de forma resumida o motivo da doação.


Doar


De outro lado, se clicar em “doar”, estará diante de um mapa com a localização atual do usuário e os bancos de sangue mais próximos. Após selecionar um desses locais, o doador verá na tela um mural com todas as histórias e informações dos pacientes que precisam de sangue. Ele poderá, então, optar por fazer a doação de reposição para um paciente específico, ou doar genericamente para o banco de sangue.


O Blooder está disponível nas plataformas dos sistemas IOS e Android, é gratuito e pode ser baixado na AppStore ou no Google Play.


2 - Projeto Hemoliga


Projeto Hemoliga


Criado também em uma plataforma Web, onde os hemocentros divulgam diariamente os níveis de seus estoques por tipo sanguíneo, o Projeto Hemoliga estabelece uma ponte que liga de forma rápida, direcionada e inteligente, doadores regulares e doadores em potencial.


O aplicativo foi idealizado e desenvolvido para interagir com o público em potencial, objetivando aumentar o número de doadores e a frequência dessas doações. Com o software, o interessado poderá acompanhar o estoque atual dos hemocentros parceiros, solicitar campanha para doação e visualizar as campanhas em curso, além de outras funções.


Disponível nas versões Android, iOS, Windows Phone e Web.


3 - Eu curto doar


Aplicativo Eu curto doar


O aplicativo Eu curto doar, para iPhone e Android, apresenta uma área para quem estiver precisando de doadores realizar um cadastro. Após preencher as informações requisitadas, receberá uma confirmação e seu nome constará na relação dos que necessitam de sangue. Em seguida, o usuário poderá divulgar nas redes sociais em que participa, fazendo uma campanha para conseguir mais doadores.


Em outra área do aplicativo, as pessoas interessadas podem se cadastrar para doar, já tendo ciência de alguém (e do local) que poderá ser beneficiado com o seu gesto.


4 -Positive Drop


Positive Drop


Os publicitários Natan Magalhães e Rafael Barreiros constataram que, mesmo que as pessoas não sejam doadores regulares, elas se dispõem muito mais a doar quando sabem de alguém próximo que está precisando. Então, os dois resolveram aperfeiçoar essa prática que já acontece naturalmente, mas agora com ajuda das redes sociais, criaram o Positive Drop, uma maneira mais ágil para avisar seus amigos diretos, caso algum deles precise de doadores. O próximo passo será estabelecer o cruzamento de compatibilidade sanguínea dos amigos do usuário, a fim de que a busca seja ainda mais eficiente.


5 -Doe Sangue Mobile


app-doar-sangue


App desenvolvido por Irawild Almada e disponível para Android e iOS. Após se cadastrar, o usuário passa a integrar a lista de doadores de sangue da lista do software. Assim, será acionado assim que um hemocentro da região onde ele mora precisar de sangue. Se um Banco de Sangue necessita, por exemplo, de um doador (O-), o sistema dispara um aviso para todos os cadastrados (O-) que estejam aptos a doar, respeitando o prazo entre doações, e avisa onde poderá fazer o procedimento. A plataforma integra doadores de sangue, instituições públicas e privadas através de uma grande rede social que salva vidas.


6 -DoaSangue


doar-sangue


Permite que as pessoas procurem os hospitais mais próximos de sua localização geográfica atual, simplificando o deslocamento e ganhando tempo. Também disponibiliza informações importantes, como telefone, e-mail e o local dentro do hospital onde a coleta do sangue é realizada. Disponível na App Store.




Compartilhe