Blog

Dia Internacional de luta dos portadores de deficiência

Atualizado em 03 de dezembro de 2017



Comemora-se no 3 de dezembro o Dia Internacional das Pessoas com Deficiência. O motivo para sua instituição é a promoção de uma maior compreensão dos assuntos referentes à deficiência, chamando atenção para sua importância, alertando e conscientizando para a defesa da dignidade, dos direitos e do bem-estar dos indivíduos.


Conforme dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 14,5% da população apresenta algum tipo de deficiência, equivalendo a aproximadamente 24,5 milhões de pessoas. A data é considerada um marco para reflexão e busca de novos caminhos, como forma de debater e divulgar a luta por inclusão social.


A Informática está de mãos dadas com a Medicina nesta empreitada, com o desenvolvimento de aplicativos que ajudam os portadores de necessidades especiais a conviver no dia a dia sem que se sintam à margem da sociedade. Os aplicativos criados e em desenvolvimento preparam um caminho ainda melhor, a fim de superar dificuldades e proporcionar melhor qualidade de vida.


Aplicativos para portadores de deficiência


As tecnologias assistivas são os recursos que contribuem para proporcionar vida independente aos deficientes. O maior número de pesquisas existentes sobre esses recursos é realizado no exterior. Com o desenvolvimento da Informática, nas últimas décadas abriram-se novas possibilidades para o processo de aprendizagem do aluno com deficiência.


Deficientes Visuais



  1. Tandera Dinheiro: Este aplicativo foi desenvolvido com o propósito de auxiliar as pessoas com deficiência visual a identificarem cédulas de dinheiro. Dessa forma, pode evitar que sejam enganadas quando receberem o troco quando estiverem realizando alguma compra. Bastante funcional, apenas é necessário que o usuário posicione o celular sobre a nota para que o software verifique o dinheiro com o uso da câmera, revelando seu valor. Disponíveis para Android.

  2. Call Announcer: Especialmente concebido para as pessoas com baixa visão, permite que o usuário saiba quem está ligando, também fazendo a leitura de mensagens de texto. Disponíveis para Android.

  3. Moovit: Em sua versão 4.10 para celulares Android e iOS, o aplicativo apresenta como grande novidade a inclusão de funcionalidades que auxiliarão as pessoas com deficiência visual a se locomoverem com mais facilidade durante a utilização do transporte público. A integração do programa às funcionalidades VoiceOver (iOS) e TalkBack (Android) permite que terá todas as suas telas estejam acessíveis.


Conheça também o Be My Eyes - Aplicativo que permite ser os olhos de um deficiente visual


Deficientes Auditivos



  1. Rybená: O Player Rybená é um equipamento nacional capaz de converter qualquer página da Internet ou texto escrito em Português para a Língua Brasileira de Sinais – Libras. O Torpedo Rybená é um serviço que permite receber e enviar mensagens de texto na Libras. Ouvintes podem enviar textos em Português aos surdos, que receberão a mensagem em Libras, que é a sua língua materna. Disponível para Android e iOS.


  2. Vlibras: O conjunto de ferramentas digitais do software amplia a acessibilidade das pessoas com deficiência auditiva a conteúdos online. O sistema realiza a tradução de conteúdos digitais (texto, áudio e vídeo) para a Linguagem Brasileira de Sinaistraduzir os conteúdos para Libras. Pode ser instalado em computadores, navegadores e celulares. Disponível para Android e iOS.




  3. ProDeaf Tradutor para Libras: É uma indicação direta para aqueles que necessitam se comunicar com portadores de deficiência auditiva. De uma forma considerada bastante eficaz, o aplicativo traduz as palavras para a linguagem dos sinais, mesmo se a palavra em questão não constar no vocabulário. Neste caso, ele soletra o termo para que a pessoa possa, então, expressar o que deseja. O aplicativo está disponível para Android e iOS .



  4. WhatsCine: Este app tem como função sincronizar áudio e legenda automaticamente além de possuir acessibilidade em Libras para os filmes escolhidos. A desvantagem é que o cinema também precisa ter um equipamento para a sincronização com o aplicativo. Também está disponível gratuitamente para celulares nos sistemas Android ou iOS.

  5. TAP TAP: Software que faz o celular vibrar e piscar ao detectar algum som ambiente, como o de porta batendo, campainhas e detectores de incêndio. Os alertas são reguláveis, variando conforme os ajustes do usuário. Disponível para iOS.


Cadeirantes



  1. Guia de Rodas: Este sistema ajuda na mobilidade de cadeirantes, idosos ou uma pessoa com um membro afetado mapeando a acessibilidade dos lugares para facilitar sua locomoção. Está disponível gratuitamente para aparelhos iOS e Android. Além disso, está aberto à colaboração do público na identificação e avaliação das condições de acessibilidade dos estabelecimentos, como restaurantes, comércios e cinemas.

  2. Wheelmap: Destina-se às pessoas com deficiência física e que necessitem de adaptações específicas de acessibilidade à cadeira de rodas. Sua função é identificar locais de comércio e prestadores de serviço que tenham acessibilidade. Colaborativo, o app depende do compartilhamento de informações para que a tecnologia demonstre efetivamente sua utilidade, auxiliando o usuário a encontrar lugares com acessibilidades já visitados por outras pessoas com deficiência. Disponível para Android e iOS.


Deficientes da fala



  1. Que Fala!: Aplicativo para Adroid,  permite que as pessoas com deficiência estabeleçam uma comunicação. Ele consiste em uma prancha digital que pode substituir as de papel, utilizadas em hospitais ou clínicas especializadas no tratamento dos pacientes. Com o uso do aplicativo, os pacientes conseguem interagir diretamente com seus interlocutores, sem que haja a presença de um intermediário


Conheça outros aplicativos iOS e Android para portadores de necessidades especiais


No dia 1o de novembro postamos um artigo sobre aplicativos para ajudar pessoas com Surdez. Além de um post sobre aplicativo que mede peso de cadeirante no dia 14 de outubro.




Compartilhe