Blog

Cuidados com a sua saúde no carnaval

Atualizado em 23 de fevereiro de 2017


carnaval_blog


A maioria dos brasileiros deve concordar que o carnaval é a melhor época do ano. Há os que gostam da folia e outros do descanso da rotina estressante dos atendimentos e plantões. Mas seja qual for sua programação, é possível sim descansar e/ou cair na folia, mas sem se esquecer da sua saúde. Neste post damos uma série de dicas simples, mas que podem fazer a diferença tanto para você, quando para seus pacientes!


1. Hidratação


Beber água continua sendo a dica de ouro. Manter seu corpo hidratado durante a folia é primordial, doutor! Como sabemos, o calor e ingestão de bebidas alcoólicas desidratam nosso corpo. Portanto, mantenha sempre a seu alcance uma garrafinha de água e beba entre um drink e outro!


2. Alimentação


Não deixe de se alimentar. Como é uma época de calor, prefira refeições leves e de fácil digestão, como saladas, grelhados e carnes magras. Consuma frutas, principalmente as ricas em água como melancia, abacaxi e laranja. Evite alimentos gordurosos e não fique um tempo maior do que 4 horas sem se alimentar. Afinal, depois do carnaval a rotina dos atendimentos continuam!


3. Pés sem dor


Se você é daqueles que não fica parado, pula mesmo o carnaval e dança como se não houvesse amanhã, cuide de seus pés! Utilize calçados confortáveis, de preferência tênis, que além de evitarem que seus pés entrem em contato direto com sujeiras e sejam machucados, fornecem todo um conforto e amortecimento contra impactos.


Para as médicas que não abrem mão de um visual mais requintado, evitem as rasteirinhas. Sim, a primeira vista elas parecem ser super confortáveis e ideais, mas puro engano! Elas cansam mais a panturrilha e podem causar tendinites! Dê preferência às sandálias com plataforma na parte frontal, elas estabilizam melhor o pé e têm um poder de amortecimento melhor do que das sandálias de salto alto comum. Mas atenção: a diferença de altura entre a parte de trás e a da frente da sandália não deve exceder 4 centímetros!


4. Alongamento


Faça alguns exercícios de alongamentos antes da folia, assim você evita lesões e prepara seus tendões e pés para a atividade!


5. Moderação e Consciência


Ingira com moderação bebidas alcoólicas e lembre-se: bebida e direção não combinam! Se ninguém estiver apto a assumir a direção, utilizem de táxis ou meio de transportes públicos como ônibus e metrôs.


6. Menos Ressaca


Entre os drinks, beba água e/ou bebidas hidratantes (como água de coco, sucos e isotônicos). Coma alguma coisa durante a bebedeira. Assim, a ressaca do dia seguinte será mais branda ou nem existirá!


7. Descanso


Desligar-se um pouco da rotina dos atendimentos durante a folia também é necessário. Tanto para o seu corpo que precisa de 6 a 8 horas de descanso diário para se regenerar, quanto para você que merece relaxar um pouco. E tem como fazer isso sem ter medo de perder seus pacientes. Veja algumas dicas clicando aqui.


8. Cuidado com o sol


Nessa época é muito comum aproveitar para ir a praia ou ao carnaval de rua durante o dia. Portanto, tome cuidado com o nosso amigo sol! Ele brilha forte nessa época do ano. Pouca (ou nenhuma) hidratação e exposição direta ao sol durante muito tempo podem acabar com a sua folia! Abuse do filtro solar (Fator de Proteção Solar (FPS) mínimo de 15), reaplicado de 2 em 2 horas, utilize chapéus e camisetas para ‘quebrar’ um pouco a incidência dos raios diretamente sobre sua pele e tente evitar a exposição entre as 10 e 16 horas.


9. Cuidado com os remédios e bebidas energéticas


Tudo em excesso faz mal. No carnaval é muito comum o abuso no uso de remédios para ressaca e bebidas energéticas. Lembre seus pacientes que o excesso pode causar gastrite e até alterações no funcionamento de seu fígado, dependendo de como são utilizados. E que as bebidas energéticas, se consumidas em excesso, podem causar gastrite, falta de sono e até arritmia cardíaca!


10. Previna-se


Todo aviso é pouco! Portanto, frise bem com seus pacientes que doenças sexualmente transmissíveis, ‘’doença do beijo’’ e herpes labial são algumas das doenças que podem ser contraídas em épocas assim em que o contato com pessoas que não conhecemos aumenta. Portanto, todo cuidado é pouco!


No mais: boa folia, Doutor!




Compartilhe